Noticias


PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Linha de Crédito PME Crescimento 2014


Entrou em vigor no dia 3 de março a linha PME Crescimento 2014, no seguimento da anterior linha em vigor, no valor de 2.000 milhões de euros.

Conheça as principais condições de acesso:


Linha de Crédito PME Crescimento 2014

CONDIÇÕES

O montante global da linha é de 2.000 milhões de euros, dividido em quatro linhas específicas:

- 500 M€ destinada às micro e pequenas empresas;

- 500 M€ de apoio à tesouraria de todas as empresas, constituindo-se uma linha geral de crédito que poderá ser utilizada por todas as PMEs;

- 500 M€ de apoio ao investimento para todas as PMEs, tratando-se assim de mais uma linha geral de crédito empresarial;

- 500 M€ de apoios financeiros com destino às PMEs que necessitem de impulsionar as suas exportações.

QUEM SE PODE CANDIDATAR?

A linha de crédito destina-se preferencialmente a PME, podendo ser englobadas empresas de maior dimensão nas linhas Geral e Crédito Comercial a Exportadoras. As empresas devem enquadrar-se na lista de CAEs elegíveis e possuir a situação regularizada perante a banca, a Administração Fiscal e a Segurança Social.

No caso de empresas que detenham dívidas perante a Administração Fiscal e a Segurança Social, estas poderão contratar financiamentos intercalares junto do banco proponente da operação, destinados única e exclusivamente à regularização destas dívidas, admitindo-se que até 30% do crédito a conceder no âmbito da linha seja utilizado para amortização integral desses financiamentos intercalares.

COMO SE CANDIDATAR?

As candidaturas são apresentadas junto de um dos Bancos protocolados, que avalia o risco da operação e aprova ou não a mesma.

SPREAD

O spread cobrado a cada empresa vai depender da sua dimensão, grau de risco e da linha específica.

Para a linha Micro e Pequenas Empresas é cobrado um spread de 4,200% sobre a taxa Euribor a três meses. Para as restantes linhas o spread varia entre 3,700% (taxa mais baixa aplicada a PME Líder) e 4,800%, consoante o escalão de risco seja A, B ou C.

GARANTIA MÚTUA

A garantia a prestar poderá cobrir até 70% para a linha específica Micro e Pequenas Empresas, 50% para a linha específica Geral e 55% para a linha específica Crédito Comercial a Exportadoras.

ELEGIBILIDADE

Linha Micro e Pequenas Empresas / Linha Geralinvestimento novo em ativos fixos corpóreos ou incorpóreos, reforço do fundo de maneio ou dos capitais permanentes;

Linha Crédito Comercial a Exportadoras – financiamento das necessidades de tesouraria relativamente a operações comerciais que impliquem necessidades temporárias de acréscimo de fundo de maneio.

PRAZO DE CARÊNCIA

Linhas específicas

Prazo de Amortização

Prazo de Carência

Micro e Pequenas Empresas

Até 6 anos

Até 12 meses

Geral Fundo de Maneio

Até 4 anos

Até 6 meses

Geral Investimento

Mais de 4 anos e até 10 anos

Até 24 meses

Crédito Comercial a Exportadoras

3 anos

-

MONTANTE MÁXIMO

O montante máximo é fixado por linha:

- Micro e Pequenas Empresas25.000 € para Micro Empresas e 50.000 € para Pequenas Empresas;

- Geral Fundo de Maneio750.000 € para PME Líder e 500.000 € para as restantes;

- Geral Investimento1.500.000 € para PME Líder e 1.000.000 € para as restantes;

- Crédito Comercial a Exportadoras1.000.000 € (limitado a ¼ do volume de negócios para o exterior no ano anterior).

Os apoios são concedidos ao abrigo do regime comunitário de auxílios de minimis.

Contacte-nos para mais informações.

 
«InícioAnterior12345678910SeguinteFinal»

Pág. 6 de 14